Paulo Alberto vence na MX2 na 2ª Etapa do BR de Motocross

As disputas da categoria MX2 do Brasileiro de Motocross foram acirradas e com muitas quedas. Mas, o resultado das duas baterias foi quase o mesmo da primeira Etapa da competição, em Carlos Barbosa (MS). Com a somatória das duas baterias, quem levou a melhor foi o português Paulo Alberto. O piloto vem de uma lesão do Mundial e Motocross, e mesmo assim andou bem. “Para mim a prova foi bem difícil. Como ainda estou com muita dor nas costas, me preservei no começo da prova para dar o máximo no final, e deu certo”, conta o piloto.

paulo

O companheiro de equipe Thales Vilardi ficou em segundo na prova. Ele venceu a primeira bateria e vinha na liderança na segunda até os 29 minutos de prova, mas foi ultrapassado pelo português. Mesmo assim o piloto ainda está na liderança do campeonato, já que venceu na primeira Etapa. “Comecei bem, mas o Paulo veio mais rápido no final. Tinham muitos retardatários que acabaram me atrapalhando. Mas, estou feliz, o importante é que ainda estou na liderança. Agradeço a todos da minha equipe”.

thaless

Prova

1ª Bateria

O português Paulo Alberto ficou na liderança da prova até os 22 minutos, mas estava sempre sendo pressionado pelo parceiro de equipe Thales Vilardi, pressão que até fez com que o português sofresse uma queda, e foi ultrapassado por Thales que terminou em primeiro. Paulo ficou em segundo. As demais posições também foram bastante disputadas durante a prova. Hector Assunção estava na terceira posição, mas caiu, e terminou em sétimo. Dudu Lima que estava em 6º foi ganhando espaço e ficou em terceiro. Na sequencia aparecem Rafael Faria e Sean Lipanovich.

O piloto Fábio Aparecido dos Santos (Fabinho-Moranguinho) que estava brigando pela 10º posição com Rodrigo Lama caiu, aos 13 minutos, e foi para o 17º lugar. Mas, acabou recuperando duas posições até o final da prova e terminou em 15º.

podio mx2

 

2ª Bateria

Thales Vilardi largou na frente para tentar mais uma vitória e liderou a prova quase de ponta a ponta. Isso porque foi ultrapassado pelo português Paulo Alberto aos 29 minutos de disputa, que acabou vencendo. Thales terminou em segundo.

Dudu Lima que largou em sétimo avançou bem durante a prova e terminou na terceira colocação na bateria. Hector Assunção fica em quarto e Anderson Cidade em quinto. Rafael que estava em quarto erra e termina em sexto.

 

Anúncios